Daily Archives: março 13, 2016

13 de março não é um dia qualquer para que possamos repeti-lo – Escrito por Adriana Franco*

Disponibilizamos a seguir o brilhante artigo da jornalista Adriana Franco (foto) cujo teor, além de profundo traz consigo um alerta geral, uma vez que os caminhos e ações usados pela direita de hoje são os mesmos usados pela direita do passado (desde o século XIX), portanto, os objetivos são os mesmos… fiquemos alerta e prontos para reagir!

Eliezer Gomes

adriana.1jpgSe março deve ser considerado um mês de manifestações e perseguições políticas, temo pelo que pode vir pela frente. 13 de março também marca nossa história em diversas épocas e noites anteriores parecem também trazer enormes surpresas. Em um cenário político cada vez mais polarizado e violento, esquerda e direita se acirrando, crise política sem precedentes agravando a crise econômica e as elites raivosas com conquistas recentes de classes mais baixas, a manifestação da direita marcada para a tarde de um mesmo 13 de março pode trazer coincidências em seu arcabouço que colocam em cheque a democracia e a estabilidade de um governo, mais uma vez. Continue reading

A História é implacável com quem golpeia a democracia – Ricardo Coutinho

12 DE MARÇO DE 2016 ÀS 23:39

Por Leonardo Attuch e Walter Santos (editor da revista Nordeste), de João Pessoa

ricardo 247Em entrevista exclusiva ao 247, o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, do PSB, faz um alerta: “a democracia brasileira está sob forte ameaça”; ele diz ainda que a seletividade do Judiciário e a ação política de alguns meios de comunicação criaram o ambiente de intolerância no País; “Se o golpe for contido, será uma grande derrota dessa mídia, que apostou todas as fichas na derrubada da presidente Dilma”; Coutinho também condena as “saídas” para a crise política que têm sido propostas pela oposição; “ela não tem que renunciar coisa nenhuma, tem é que governar, ajustando a política econômica”; sobre o recuo de setores da oposição após o pedido de prisão do ex-presidente Lula, ele disse que isso reflete medo da reação popular e também da História; “ela é cruel com quem agride a democracia”

Continue reading